Recurso de M-Commerce da Easy Easy Apps: Manual passo-a-passo!

Recurso de M-Commerce da Easy Easy Apps: Manual passo-a-passo!

Utilizando o recurso de M-Commerce no app que irá criar, você poderá realizar a venda dos seus produtos em uma loja configurada diretamente no aplicativo. Com a possibilidade dos clientes realizarem o pagamento em seu comércio físico, na hora da entrega do produto ou online pelo próprio app (integrado com o Paypal).

Obs.: É possível criar mais de uma loja utilizando esse recurso em um mesmo aplicativo, porém elas compartilharão o mesmo catálogo de produtos. Como se fosse uma espécie de “franquia”.

Agora, antes de continuar a leitura desse manual passo-a-passo é importante que já tenha uma familiaridade com o funcionamento da plataforma Easy Easy Apps, por isso recomendamos também a leitura do nosso tutorial de uso.

Acrescentando o recurso de M-Commerce em seu aplicativo

Esse é nosso primeiro passo. Mas caso esteja usando o template “Restaurante”, “Loja”, “Ofertas Geo” ou “Academia” como modelo para seu app, não é necessário fazer essa etapa. Pois o recurso de “Comércio” já está inserido por padrão nesses templates. Porém será necessário configurá-lo, como veremos em seguida.

Na aba de “Recursos” do editor de aplicativo, desça até “Adicionar Páginas”, ache o recurso “Comércio” e clique sobre ele para adicioná-lo.

Pronto, está adicionado!

Criando uma loja

Primeiro clique sobre o recurso de “Comércio” que acabou de adicionar e no campo “Nome da página”, escreva o nome que quiser, como por exemplo: Delivery ou Loja.

Depois clique no botão com símbolo de “+”, localizado à frente de “Minhas Lojas”, para criar uma loja.

Preencha os campos que serão exibidos com as informações corretas, conforme imagem de exemplo.

  • Nome da Loja;
  • E-mail;
  • Rua;
  • CEP;
  • Cidade;
  • País;
  • Telefone;
  • Horário de atendimento.

Agora é necessário selecionar as opções para entrega do produto que mais se adaptam ao seu negócio. No total há três opções e deve ser selecionado pelo menos uma. Havendo a possibilidade de selecionar todas.

São elas:

  • Na loja virtual: o cliente deve ir até a loja;
  • Transporte: o cliente vai até a loja para buscar o produto e retorna com ele;
  • Modo da entrega: você que realiza a entrega do produto para o cliente.

Se por acaso, você optar pela opção “Modo da entrega”, é necessário o preenchimento das informações adicionais que serão exibidas.

  • Taxa de Entrega: o custo para realizar a entrega do produto;
  • Entrega gratuita a partir de: preencha esse campo, caso deseje que a entrega seja gratuita para um cliente à partir de determinado valor do pedido;
  • Os clientes calculam a alteração: se deixar marcada essa opção, na hora que o cliente for finalizar o pedido, aparecerá um campo para que ele preencha e possa informar o valor que ele usará para realizar o pagamento. Assim poderá saber a quantia para levar de troco para o cliente;
  • Raio de Entrega: deve ser indicado a área de entrega à partir do endereço do estabelecimento (em Km);
  • Tempo de Entrega: o tempo médio para fazer a entrega, desde o pedido feito até início da entrega (em minutos);
  • Pedido mínimo: o preço mínimo que um pedido deve ter para ser entregue.

As próximas opções que precisamos definir dizem respeito ao pagamento.

  • Paypal: para deixar disponível essa opção de pagamento para o cliente, é necessário que você faça algumas configurações específicas em sua conta do Paypal. Se tiver dúvidas entre em contato conosco;
  • Cartão de crédito (pagamento online): assim como no caso do Paypal, é necessário alguns passos extras;
  • Verificar.

As outras opções são autoexplicativas.

  • Dinheiro;
  • Vale;
  • Cartão de crédito (pagar no recebimento ou entrega).

Após selecionar as opções desejadas, precisamos inserir uma taxa de imposto.

Essa taxa é em percentual e será adicionada automaticamente aos produtos, conforme forem sendo cadastrados na loja. Caso alguns produtos tenham uma taxa diferente, não haverá problemas, em próximas etapas veremos como cadastrar novos impostos.

Para validar essas primeiras configurações e criar a loja, clique no botão “Salvar”.

Adicionando categorias

Para adicionar uma nova categoria é muito simples.

Clique na aba “Catálogo” e depois em “Minhas categorias”.

Agora clique no símbolo de “+” na frente de “Minhas Categorias”.

Dê um título e subtítulo a categoria que vai criar. Se desejar, acrescente uma imagem, clicando no botão que aparece ao lado do campo “Título”. Depois clique em “OK”.

Obs.: Automaticamente, também será criado uma categoria principal, que podemos chamar de “categoria raiz”, mas ela não é visível aos usuários.

Para adicionar uma nova categoria, basta seguir esse processo.

E o mesmo processo vale para adicionar uma subcategoria também. A diferença é que após adicionada, é necessário clicar no botão que aparece do lado esquerdo do nome da categoria e arrastar para o lado direito, enquanto mantém pressionado o botão do mouse.

Dessa forma você a transformará em uma subcategoria da categoria que ficará acima e alinhada mais à esquerda.

Cadastrando produtos nas categorias

Devemos clicar em “Catálogo” e depois em “Meus produtos”.

Agora é preciso clicar no ícone de “+” que está na frente de “Meus Produtos”.

Então preencha as informações referentes ao produto, conforme o exemplo a seguir.

Existe ainda outras opções que devemos considerar. Como a de “Formato do Produto”.

Com essa opção, é possível adicionar tamanhos diferentes para o produto. Para ativar, basta clicar no botão ao lado direito de “Formato de Produto”. Depois é necessário preencher a descrição de formato e preço.

Importante observar que ativando essa opção, não será mais possível alterar o preço colocado anteriormente nas informações iniciais do seu produto. Por padrão aparecerá o menor preço entre as opções de formato cadastradas.

Obviamente o mínimo de formatos permitidos são dois. Para adicionar mais, clique no botão “Adiciona formato”. E quando quiser excluir algum dos adicionados, clique no botão com um “x”.

Além dos formatos de produtos, você também pode acrescentar algumas opções extras para serem compradas juntas ao produto principal. Como bebidas e outros itens complementares, por exemplo.

Para fazer isso, primeiro é preciso criar um grupo de opções. Portanto clique no botão com um “+” na frente de “Minhas Opções de Produto”.

Agora preencha o campo “Nome do grupo de opções”. Abaixo desse campo, se desejar pode deixar marcado que “Pelo menos uma opção é necessária”, nos casos em que queira deixar obrigatório que o cliente escolha pelo menos um dos itens disponíveis.

Após fazer isso, não clique no botão de “OK” ainda. O próximo passo é adicionar as opções para esse grupo.

Para isso clique no botão de “+” em “Adicionar Opções”.

Depois preencha o “Nome da opção” e para adicionar outras, clique novamente no “+”. Para excluir clique no “x” à frente da opção que deseja deletar.

Pronto, agora é só clicar em “OK”.

Você pode adicionar mais de um grupo se for necessário, clicando em “+” e seguindo o mesmo processo.

Depois em “Minhas opções de produto” selecione o grupo criado e adicione o preço de cada um dos itens. Feito isso, deixe selecionado apenas as opções que devem ser exibidas para o cliente quando for comprar o produto principal.

Se precisar fazer alterações futuras, clique no ícone do lado esquerdo do nome do grupo, seu desenho possui o formato de um “lápis”.

Também é possível criar uma lista de opções de itens que não incluem valor adicional, ou seja, que sejam por conta da casa. Como sachês de molhos, por exemplo.

A configuração dessa função é muito parecida com a anterior.

Clique no botão de “+” em “Meu Produto, Escolha da Lista de Opções”. E adicione as informações necessárias. Depois salve, clicando em “OK”.

Para deixar visível essas opções para o cliente em “Meu Produto, Escolha da Lista de Opções”, selecione o grupo criado e as alternativas que quiser. E assim como na função demonstrada antes, também há as possibilidades de criação de outros grupos e alterações futuras.

Por fim, selecionamos a categoria que o produto que estamos cadastrando se encaixa.

Para salvar o seu cadastro, retorne a parte inicial do registro para clicar em “OK”.

Depois de criado, é possível copiar um produto para criar outro que seja semelhante, economizando tempo. Para fazer isso é muito fácil. É só clicar no ícone destacado no exemplo abaixo.

Outra dica interessante que pode tornar seu trabalho mais produtivo é a utilização da barra de pesquisa para procurar por produtos cadastrados.

É uma ótima alternativa quando já há uma quantidade razoável de produtos em sua loja.

Administrando a loja e pedidos

Para visualizar e gerenciar os pedidos recebidos, clique na aba “Pedidos”.

E para visualizar os detalhes de um pedido, basta clicar em qualquer parte da linha dele. Assim você terá acesso as informações do cliente e do local da entrega quando for o caso.

Na parte de “Detalhes”, poderá mudar o status do pedido, além de ter acesso as informações dos itens, a quantidade e valores.

Agora vamos entender um pouco mais sobre a aba de “Configurações”. Então clique sobre ela.

As primeiras opções de configurações que aparecem estão em “Gerir campos de usuário”. Por meio delas é possível escolhermos quais desses campos devem ser obrigatórios, ocultos ou opcionais para o preenchimento dos usuários no momento de finalizar um pedido.

Caso altere algo, depois clique no botão “Salvar”.

Uma informação importante é que no caso do usuário já ter criado uma conta no aplicativo e estiver conectado com ela, automaticamente algumas de suas informações já cadastradas serão exibidas no momento em que for fechar o pedido. Conforme podemos visualizar na imagem abaixo.

Uma possibilidade bem interessante que encontramos na aba de configurações é a de criar códigos promocionais para aplicação de descontos.

Se desejar adicionar um, é necessário clicar no botão de “+” em “Desconto de Configurações”.

Então deverá ser configurado os seguintes campos.

  • Habilitado: te dá a possibilidade de deixar ativado ou não o desconto, conforme desejar;
  • Rótulo: o nome para o desconto;
  • Código: o código que deve ser digitado pelo cliente para validar o desconto na hora da compra;
  • Quantidade mínima: defina um valor mínimo para que o desconto funcione ou deixe em branco para os casos em que não houver necessidade;
  • Tipo de desconto: há duas opções, “fixo” e “porcentagem”. Deixe fixo se o desconto for um valor específico, por exemplo R$ 10,00. Ou deixe porcentagem se o desconto for correspondente a um percentual do valor total do pedido;
  • Dedutíveis: é o valor que será descontado, seja ele um valor fixo em dinheiro ou um percentual;
  • Data de validade: coloque uma data limite para o desconto ficar disponível ou deixe em branco, se quiser deixar disponível por tempo indeterminado;
  • Utilizável uma vez: ao selecionar essa opção, esse desconto só poderá ser utilizado uma única vez por usuário.

Terminado sua configuração, clique em “OK” para salvar.

Depois de salvo, poderá gerenciá-lo em “Gerencie Descontos”, fazendo alterações ou o excluindo se necessário.

Para cada loja que criar, na parte de “Impressoras Conectadas”, você poderá vincular um impressora. Assim quando houver novos pedidos ocorrerá a impressão automática deles. Antes deve ser verificado se sua impressora é compatível, para isso ela precisará ter um endereço de e-mail próprio para receber os pedidos.

É esse e-mail que deve ser informado no campo correspondente para vincular a impressora e depois salvar.

Abaixo da configuração de impressora temos:

  • Pesquisa: se marcar essa opção, será exibido para o usuário um campo de pesquisa para que ele possa realizar uma busca por um produto;
  • Dica: marcando essa opção, em uma das etapas de realização do pedido aparecerá para o cliente um campo onde ele pode adicionar um valor como “Gorjeta”;
  • Convidado: deixando essa opção marcada, será possível que um usuário do aplicativo possa realizar pedidos sem ter feito um cadastro.

Por fim, temos a parte de configuração das taxas de impostos, para os casos de produtos com taxas que se diferenciam.

Para adicionar novas taxas, clique no “+” localizado à frente de “Meus Impostos”.

Agora preencha as informações pedidas, lembrando que a taxa é em percentual. Depois clique em “OK”.

E em “Manage Content” será exibido todos os impostos adicionados, desde o primeiro, cadastrado logo no início da criação da loja, até os adicionados posteriormente.

Também é possível realizar edições se houver necessidade, assim como a exclusão.

Dicas extras

1 – Em qualquer uma das abas do recurso de M-Commerce é possível encontrar a opção de “Fundo”.

Através dessa opção, é possível inserir uma imagem de fundo em sua loja, sendo necessário apenas clicar nos botões de “Background” e depois em “Salvar”.

2 – Quando não estiver conseguindo adicionar um produto ao carrinho as três possíveis causas são:

  • Você não criou uma categoria (além da categoria raiz);
  • Ou não associou o produto a uma categoria;
  • Ou não associou o produto a um imposto.

Agora tendo todo esse passo-a-passo, informações e dicas, é só criar seu app na Easy Easy Apps e configurar o recurso de M-Commerce.

Pronto, você terá sua loja no celular ao alcance de seus clientes!

Author: Vasco

Vasco Andrade e Silva é um empreendedor de base tecnológica. Co-fundou a sua primeira empresa de software enquanto concluía o MSc em Engenharia de Software em 2008. Em 2013 criou a Easy Easy Apps com o objetivo de democratizar o desenvolvimento de aplicações móveis – porque acredita que todos devem poder fazer parte da revolução mobile.